Projetos realizados

Quarta, 15 Mai 2019 15:31

Agricultura familiar, abastecimento e mercados institucionais: conexões entre Brasil, Cabo Verde e Uruguai na promoção da segurança alimentar e nutricional. 2014- 2016

Avalie este item
(0 votos)

O objetivo desta proposta é desenvolver redes de cooperação técnica entre Brasil, Cabo Verde e Uruguai capaz de articular o consumo e a produção de alimentos com foco no mercado institucional, com o intuito de promover alimentação adequada e saudável e sistemas agroalimentares sustentáveis. Para tanto, se pretende conformar um Núcleo de Pesquisa, Ensino e Extensão em SAN que articule instituições de ensino superior do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Entende-se que a implementação de ações no campo do abastecimento alternativo, em especial no mercado institucional, notadamente no que se refere à aquisição dos produtos da agricultura familiar, demanda uma engrenagem de ações e atores que exige o redesenho das relações sociais, políticas e econômicas no âmbito local e regional, nem sempre muito simples de serem efetivadas. Por outro lado, estudos recentes e observações a campo têm demonstrado que a partir do momento que estas engrenagens começam a se encaixar, os resultados demonstram-se extremamente favoráveis à promoção da alimentação saudável e redesenho dos sistemas agroalimentares, particularmente no caso do mercado institucional, onde o fornecimento de refeições aos escolares e entidades assistenciais passa a assumir uma nova dimensão, tornando-se meio para construção de processos educacionais promotores de saúde e desenvolvimento regional. Para construir estas sinergias, utilizaremos a pesquisa-ação como forma de promover uma interação entre ações de desenvolvimento e de pesquisa que, para além da compreensão de uma realidade, permitam a transformação desta, através do diálogo entre agentes externos e atores locais. Portanto, partiremos de um plano de ação que compreende desde o estudo exploratório em três estados (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul) até a realização de seminários com os participantes para proposição de intervenções relativas aos principais problemas apontados. Desta dinâmica pretende-se promover intercâmbios, articulando as ações no Brasil com as parcerias em Cabo Verde e Uruguai, de forma a possibilitar trocas de experiências e construção de formas alternativas de abastecimento alimentar, abrindo e qualificando os mercados institucionais nestes países. Para tanto, uma das ações a ser implementada é a formulação de cursos em EAD, e a criação de redes de articulação e interface que possuam dinâmica própria e que atuem na manutenção das propostas de concretização das políticas de SAN nos três países.

Ler 144 vezes Última modificação em Quarta, 15 Mai 2019 15:33